O que preciso saber sobre quantos amperes de bateria utilizar para meu som?

Quando se fala sobre som automotivo, é comum se lembrar dos subwoofers, de uma caixa trio Tornado, dos amplificadores, players e outros equipamentos e acessórios que fazem parte da área. Porém, por vezes, um componente essencial é esquecido: a bateria.

Para que todo o sistema de som seja energizado adequadamente, deve ser fornecida a quantidade de energia necessária para seu funcionamento. Caso contrário, ele pode operar de maneira deficitária ou mesmo deixar de funcionar.

Você ainda tem dúvidas sobre o assunto? Então, fica tranquilo, pois você está no lugar certo! Vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre a amperagem ideal da bateria a ser escolhida para o seu sistema de som.

O que é amperagem?

Antes de mais nada, vamos explicar qual é o significado desse termo tão usado. Amperagem, nome popularmente utilizado para corrente, é a quantidade de energia elétrica que circula em um determinado circuito.

Ainda que seja um nome bastante usado e compreendido, quando se trata de algo mais formal, como em trabalhos e apresentações, por exemplo, o mais recomendável é usar o termo corrente.

Como definir a corrente necessária para cada sistema de som?

Para isso, é preciso saber qual é o consumo musical do amplificador, informação que pode aparecer em sua embalagem ou ser calculada através de uma fórmula simples.

Por exemplo, se você tem um amplificador com consumo musical de 100 amperes (A), então, o ideal é ter uma bateria de pelo menos 100 A. De preferência, é indicado adquirir uma bateria um pouco mais forte do que o consumo do módulo, pois isso permite que ela se comporte adequadamente em momentos de corrente de pico.

Caso você não saiba qual é o consumo musical de seu amplificador, pegue o valor da potência real em RMS e divida por 20. Um módulo de 2.500 W RMS, por exemplo, precisará de uma bateria de pelo menos 125 A.

Para sistemas que contam com mais de um amplificador, basta saber quais são os valores de consumo musical de cada um deles e somá-los. Dois amplificadores com 1.500 W RMS de potência real resultarão em uma potência total de 3.000 W RMS e, logo, haverá a necessidade de uma bateria de pelo menos 150 A.

E o que acontece com os demais equipamentos elétricos do carro?

Pode parecer estranho que o critério para a escolha da bateria seja apenas o amplificador, mas isso acontece porque ele é o que mais consome energia em todo o sistema. Players, crossovers e afins possuem um consumo tão baixo que nem precisam entrar no cálculo.

Também, é importante ressaltar que os alto-falantes não recebem potência, mas apenas energia para que possam funcionar. Logo, eles também não precisam fazer parte da conta da bateria ideal.

Depois de conhecer essas informações, você já saberá o que deve ser levado em consideração para ter uma bateria que suporte o sistema utilizado e, assim, faça com que você consiga desfrutar de cada equipamento em sua totalidade.

A ViniSound é a empresa ideal para que você adquira sua caixa trio Tornado, também conhecida como caixa trio JBL, além de vários outros equipamentos e acessórios para som automotivo. Com opções da mais alta qualidade, você pode optar pelo pagamento parcelado em até 12 vezes no cartão de crédito ou à vista no boleto bancário, com desconto de 5% nesta modalidade.

error0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *